Advertisement

Main Ad

Prefeito de Santana do Maranhão envia ofício ao Governo do MA pedindo reforço do efetivo policial

Devido a crise de segurança que o nosso estado atravessa, e vem atingindo a cidade de Santana do Maranhão e tirando a tranquilidade dos cidadãos santanenses, o prefeito Márcio Santiago encaminhou, ontem terça-feira (12), um ofício ao governador Carlos Brandão e para o secretário de segurança Mauricio Ribeiro Martins solicitando reforço no efetivo de polícias para cidade, e a realização de operações para melhorar a segurança da população.

No ofício encaminhado ao governo  MA, o prefeito pede em caráter de urgência que sejam destinados ao município contingentes para o enfrentamento da criminalidade para garantir a segurança da população.

É importante frisar que a segurança pública é um assunto de responsabilidade do governo do Estado do Maranhão, mas é no município que a vida acontece. E a administração municipal não está indiferente ao assunto, é bem verdade que as dificuldades orçamentárias existem, mesmo diante da dificuldade a gestão do Prefeito Márcio Santiago, não tem medido esforços para atenuar as problemáticas que surgem, e na pauta supracitada não é diferente. O governo municipal procurou de imediato o responsável pela segurança pública segundo a Constituição Federal, e junto ao governo do Estado do Maranhão o pedido para aumento do número de policiais militares em Santana do Maranhão foi reivindicado .    

“Levamos ao governador e ao secretário de segurança a preocupação da população de Santana do Maranhão com a questão da segurança pública na cidade. Também solicitamos urgência, uma vez que esta é uma questão que envolve toda a região”, disse Marcio Santiago.

“O trabalho de segurança pública é feito em conjunto, com ações e investimentos do Governo Estadual e da parceria com a Prefeitura. A ampliação do efetivo da  Polícia Militar é importante e necessário para que haja maior efetividade e abrangência nas ações”, acrescentou o prefeito. Via (agrosantana).


Postar um comentário

0 Comentários